#myGallery{ width: 200px !important; height: 100px !important; overflow: hidden; }

28 de julho de 2012

Sírias

Rússia mantém  frota de guerra no Mediterrâneo longe da Síria - por enquanto
 
 
DEBKAfile no Breaking News em 28 de julho de 2012, 13:18 (GMT 02:00)


Declaração do Chefe da  Marinha russa  o vice-almirante Viktor Chirkov na sexta-feira  de que a frota de guerra com 10  navios que se concentraram no Mediterrâneo, com embarcações de escolta não irá atracar no porto sírio de Tartus, mas apenas realizar exercícios militares já é  visto em Washington e Jerusalém como um último aviso contra a intervenção estrangeira no conflito da Síria. A advertência é sublinhada pelo tamanho da frota russa, sua proximidade com o campo de batalha da Síria e pelo fato de que ele está levando marines -  e todos os  recursos para um papel ativo.
 
11 ª Divisão Blindada síria parte para o  assalto em Aleppo


Subúrbios residenciais da segunda maior cidade da  Síria em  Aleppo e aldeias periféricas, onde os rebeldes do Exército sírio livre  estão escondidos, estavam sob pesados bombardeios neste sábado pelas  divisões 11 e 18 do exército sírio. Aqui também, os rebeldes estão começando a recuar para  as forças de Assad "poder de fogo é  superior - como fizeram na semana passada, quando a 4 ª Divisão os expulsaram de Damasco. DEBKAfile: a única esperança do ESL  está na possível dissolução das divisões de ataque sírio por deserções maciças. Nada   indica isso até gora.
 

5 comentários:

  1. Perdoem-me mas não existe exercito sirio livre e sim rebeldes querendo tomar o poder de forma errada , até vcs usando estes termos , com licença .exercito só chamamos a força legal de um país e não terroristas insuflados por um país imperialista .É a mesma coisa qdo chamam de guarda revolucionária o grupo de forças armadas de um pais soberano . respeitem vossos leitores .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. parabens pelo comentário anonimo, concordo contigo.

      Excluir
    2. seria melhor chamar de traidores lambe saco(do governo) dos EUA.

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo- Qual a diferença? Pode ser gritante e compreendo pois é apenas um nome fictício chamar de Exército sírio livre e se sabe que este exército livre sírio nada mais é que um movimento rebelde de oposição sírio armado e financiado por países ocidentais e algumas monarquias árabes do Golfo e Turquia.
    Não é porque se chamam de Exército sírio livre que se pode dá-lo como uma força oficial,o mesmo se pode dizer das FARC-Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, que de fato é uma narco-guerrilha que usa de forma deturpada o ideal marxista como uma dada orientação política de esquerda. É um grupo rebelde também.
    Os exércitos regulares estão combatendo e no caso da Síria são as forças leais ao regime estabelecido que vem tentando combater o dito ESL-Exército sírio livre ou melhor o movimento de rebeldes oposicionistas sírios.
    E numa coisa tem razão, querem tomar o poder. Mas não está havendo nenhum desrespeito aos leitores, e sim uma forma como estes rebeldes são denominados e os leitores são inteligente o suficiente para saber quem são os rebeldes e quem são as forças legais do governo.
    Abraços e fica o seu registro e mesmo assim obrigado.
    Daniel

    ResponderExcluir

Qualquer comentário que for ofensivo e de baixo calão, não será bem vindo neste espaço do blog.
O Blog se reserva no direito de filtrar ou excluir comentários ofensivos aos demais participantes.
Os comentários são livres, portanto não expressam necessariamente a opinião do blog.
Usem-no com sapiência, respeito com os demais e fiquem a vontade.
Admin- UND

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...