#myGallery{ width: 200px !important; height: 100px !important; overflow: hidden; }

2 de setembro de 2011

Mais notícias sobre os terremotos de hoje. Alaska e na Argentina

Bem pessoal,
Volto amanhã,
Fica aqui mais algumas notícias sobre os tremores em alguns pontos do mundo, hoje 02 de setembro de 2011. Hoje ainda postei outras informações sobre estes últimos terremotos
Acompanhem novas informações.
Com Fim dos Tempos .Net e Agências de Notícias

Rússia em alerta contra terremoto e ameaça de tsunami no mar de Bering

Centro de Alerta dos Estados Unidos advertiu sobre ocorrência de ondas gigantescas



O terremoto de 7 graus na Escala Richter que atingiu as ilhas Aleútas, no estado americano do Alasca, nesta sexta-feira, 2, preocupou as autoridades da região do Extremo Oriente da Rússia, principalmente da área da península de Kamchatka, devido à possibilidade de ocorrência de tsunami. O Centro de Alerta de Tsunamis do Pacífico, dos Estados Unidos, emitiu um alerta de que ondas gigantescas poderiam se formar, devido à magnitude do tremor de terra.
De acordo com o Centro de Pesquisas Geológicas dos Estados Unidos, o epicentro do tremor aconteceu no sudeste de Atka, no Alasca, e toda a Costa Oeste dos Estados Unidos foi alertada para o risco de tsunamis. Atka está localizada a 1.600 quilômetros a oeste de Anchorage, a maior cidade do Alasca. O terremoto aconteceu a uma profundidade de 35 mil metros, e a 130 quilômetros de Dutch Harbor, uma das muitas ilhas que formam a cadeia das Aleútas.
As ilhas Aleútas ficam no chamado Cinturão de Fogo do Pacífico, uma formação geológica que se estende por 40 mil quilômetros e onde ocorre a maioria dos terremotos e erupções vulcânicas do mundo. Essa região está sendo estudada por pesquisadores russos, que mapeiam todos os vulcões da Terra, especialmente os da chamada América Russa, ou seja, a região do continente americano que, no passado, recebeu colonizadores russos. O arquipélago das Aleútas se estende em forma de arco e constitui um prolongamento da península do Alasca para o sudoeste. São banhadas ao norte pelo mar de Bering e ao sul pelo oceano Pacífico.
FONTE
===================

EUA rebaixa magnitude de terremoto no Alasca para 6,8 graus



O Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês) revisou e reduziu a magnitude do terremoto registrado nesta sexta-feira no Alasca de 7,1 graus para 6,8 graus na escala Richter.
Os especialistas do USGS detectaram o tremor às 7h55 (horário de Brasília), que atingiu às ilhas Fox, Aleutians e parte do litoral do Alasca.
Após a revisão, o organismo americano situou o terremoto a 35,5 km de profundidade.
As ilhas Fox são um grupo de ilhas pertencentes aos Estados Unidos, localizadas na parte oriental do arquipélago das ilhas Aleutianas, as mais próximas do continente americano.
O epicentro se situou a 45 quilômetros sudoeste da ilha Amukta, no Alasca. Após o terremoto, as autoridades emitiram um alerta de tsunami desde a ilha de Unimak, a maior na cadeia das ilhas Aleutianas, até a remota e pouco povoada ilha de Amchitka, ambas no Alasca.
Mesmo antes do alerta, as autoridades indicavam que não havia risco de um tsunami destrutivo no Pacífico e Havaí, embora a região do litoral noroeste dos EUA continue em ateção.
Uma hora mais tarde, outros dois tremores, de 4,5 graus de magnitude, foram detectados na mesma região do Alasca.


MORADORES+DE+MARINGA+E+CASCAVEL+SENTEM+A+TERRA+TREMER,00.html

O terremoto de 6,4 graus de magnitude registrado na Argentina nesta sexta-feira (2) provocou temores em cidades do interior do Paraná.
A Defesa Civil de Cascavel confirmou que atende a chamados da população para avaliar se houve danos nas estruturas de residências e prédios. Três bairros teriam sentido o tremor.
Em Maringá, no norte do Estado, os moradores sentiram um leve tremor de terra por volta das 11h. Alguns prédios chegaram a ser esvaziados pelo Corpo de Bombeiros, mas nenhum dano material foi registrado.

De acordo com o professor do Observatório Sismológico da Universidade de Brasília, George Sand França, trata-se de um reflexo do terremoto de magnitude 6,7 registrado em Santiago Del Estero, a cerca de 800 quilômetros de Buenos Aires, na Argentina.

O epicentro do terremoto na Argentina foi localizado a 600 km de profundidade e não há informações imediatas sobre danos ou vítimas. A informação é do serviço geológico dos Estados Unidos.
FONTE

2 comentários:

  1. OLAVO DE CARVALHO
    True Outspeak - 24 de agosto de 2011

    http://www.youtube.com/watch?v=EREO0pakviM

    ResponderExcluir

Qualquer comentário que for ofensivo e de baixo calão, não será bem vindo neste espaço do blog.
O Blog se reserva no direito de filtrar ou excluir comentários ofensivos aos demais participantes.
Os comentários são livres, portanto não expressam necessariamente a opinião do blog.
Usem-no com sapiência, respeito com os demais e fiquem a vontade.
Admin- UND

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...